quinta-feira, 13 de Maio de 2010

Abandonado em Sobreda - Almada

Apelo recebido a 11 de Maio


Assunto: Abandonado em Sobreda - Almada

Descrição da situação: “Olá a todos. Ontem foi um final de dia daqueles. Ao chegar a casa estive no exterior da minha casa com os meus gatinhos para eles poderem cheirar as ervinhas que tanto gostam, porém ao fim de um bocado tive uma surpresa daquelas. Vi um cãozinho perto da minha casa que nunca ali tinha visto. Pensei, mais um coitadinho. Fiquei logo atenta para ver para onde ia. Andava por ali cheirando a estrada. Meti os miaus dentro e sai à procura dele, não o vi, sai para a rua e fui ver se ele ainda por lá andava. E claro estava mais ao fim da estrada como se procurasse alguma coisa, um rasto de alguém que o tinha deixado por ali. Chamei-o, veio vindo até que se aproximou de mim, fiz-lhe festinhas que ele muito agradeceu e ofereci água que ele também bebeu com vontade. Meu Deus o que vou fazer com este inocente???? Liguei a uma amiga e pedi se ela mo podia acolher pelo menos até hoje. Ela disse-me que sim e ao fim de algum tempinho lá veio ter comigo para o levar. Estive no encontra-me para ver se alguém o procurava mas nada e pu-lo eu no encontra-me anuncio 9488 para ver se alguém o procura, sinceramente duvido. Ele está bem tratadinho, penso que se foi abandonado foi muito recentemente.
Envio umas fotos que lhe tirei para o poder divulgar pois infelizmente nem o posso acolher. Se alguém puder ajudar agradeço muito, muito mesmo. Comprometi-me a ir buscá-lo hoje de maneira que estou mesmo aflita. Ele encontra-se na margem sul zona Sobreda - Almada
Para terminar em beleza à uma e pouco da manhã quando me ia deitar vi passar três tipos com um cão pareceu-me ser um pit bull branco e preto um levava-o pela trela, um outro tinha uma corda. Pensei imediatamente “vão deixá-lo perto do canil”. Deixaram o carro ao fundo da minha rua. Eu fiquei a tremer por todo o lado pois já estava a ver o que ia suceder. Ligámos à GNR para que os apanhassem em flagrante, mas como sempre nunca chegam a horas. Pensei ir tirar a matricula do carro mas tive receio que um deles por qualquer motivo voltasse para trás e o carro ainda estava distante. Passei mais uma noite com o sono ao lado da almofada a pensar naquele pobre coitado.

Liguei para o canil para perguntar se ele lá estava e o senhor disse-me que sim que o tinham lá deixado perto. O senhor que me atendeu foi de uma grande delicadeza. Disse-me que ele está doente é arraçado de pitbull e que infelizmente é quase todos os dias. E disse-me minha senhora é uma triste realidade mas infelizmente é o país que temos. Mais uma vez se confirma que aquele canil tem boa gente.
Hoje para começar bem o dia tinha a mensagem da amiga para eu enviar o apelo a pedir ajuda para o cão bebé. Estou com os nervos mesmo, mesmo no limite. Enfim se alguém puder ajudar com o branquinho que encontrei agradeço. Obrigada e um bem-haja a todos”

Respeitamos o anonimato da denunciante.
--
Para colaborar nesta situação, pode contactar:
Paula Correia
http://tira-medestecanil.blogspot.com/

0 comentários: